in Tablets

O Futuro via 2011 CEA

No ano em que os tablets vão vingar, a portabilidade a escolha da maioria, a inteligência o mais procurado e os apps a forma como fazemos tudo isto, 2011 será o ano em que os consumidores compram mais de 1 trilião de USD de produtos de tecnologia pelo mundo fora.

Analistas da CEA (Consumer Electronics Association), aquela que organiza todos os anos o CES (Consumer Electronics Show), realizou um estudo aos participantes durante a maior feira de electrónica. E os resultados revelam que 2011 será um bom ano para a tecnologia.

Tablets e smart phones vão ter um crescimento acentuado durante este ano. O numero de tablets a serem lançados poderá chegar a 100 mas dado que a maioria daqueles apresentados ainda não estão no mercado, é difícil de confirmar ou não este número.

Todos estão focados em concorrer com o iPad o que por essa única razão, poderão os mesmos não criar o suficiente interesse no alvo mais apelativo – o mercado Premium.

CEA prevê as vendas de tablets duplicarem em 2011 com mais de 30 milhões de unidades a chegarem às mãos dos consumidores e outros 20 milhões de e-readers vendidos pelo mundo fora.

CEA research demonstra que tablets são utilizados principalmente para navegar na Web, seguida de utilização do e-mail, ver vídeos, ler livros e periódicos, jogar, visionamento de documentos de trabalho, ouvir música, gerir calendários e contactos, interagir em redes sociais e compras online.

Quando questionados no estudo de mercado no CES, os participantes responderam as razões pela compra do seu tablet:

Porque tablets

63% dos inqueridos compraram pela portabilidade, 55% para utilização durante as suas viagens, 54% pelos apps, 48% pela marca (iPad) e 40% porque simplesmente queriam – simplesmente queriam? Não será então grande segredo que a venda do iPad é resultado do impulso e desejo de ter uma marca – a marca de tablet.

A previsão de vencedores em 2011? Tablets, smart phones, ecrãs de cristal liquido e câmaras digitais – não é erro a omissão de tudo 3D. No CES 2010, televisões 3D eram a grande novidade (mesmo que já existirem à mais de 3 anos) mas corresponderam a menos de 3% das vendas globais de televisores. 2011 vai ver uma invasão da Web nos aparelhos – mais de 50% dos vendidos durante 2011.

Com a proliferação dos apps em smart phones, nos computadores, laptops e agora televisores, 2011 será o ano em que o televisor será utilizado pelo consumidor de forma semelhante aos smart phones. O sucesso de Kinect da Microsoft, com vendas superiores a 8 milhões de unidades em 2010, abriu às portas a novas ofertas no que concerne a aparelhos com sensores para detectarem movimentos.

Write a Comment

Comment

Webmentions

  • CES Live: Depois Da Promessa do Ano Passado, 3D Entra em Hibernação |

    […] à espera de reaparecer para vingar?·    As Tendências em Tecnologia Para 2012CES 2011 centrou-se em 3D e tablets mas ambos falharam durante o ano. No que concerne às tablets, já falamos o suficiente para […]