in Google

Google Page Speed

Google lançou hoje de manhã o seu novo serviço cujo objectivo é tornar a Web, e o acesso ao conteúdo, mais rápido. O serviço Page Speed Service foi desenhado para automaticamente tornar websites mais rápidos durante o seu loading.

O serviço situa-se entre os servidores da Web e os utilizadores, reescrevendo o código da página melhorando assim o seu desempenho. Este serviço não aparece do nada sendo que já existiu como uma ferramenta diagnostica que depois se transformou num software.

Mas o objectivo de Google, muito nobre que poderá parecer não é das melhores soluções, só que é difícil conseguir forçar quem desenvolve páginas de internet a serem eficientes e rápidas. Google tenta retirar o lado humano e toda a intervenção que possa surgir.

Mesmo para aqueles que percebem a importância de velocidade (deveriam ser mais), o desafio persiste em manter o load time o mínimo possível mesmo quando se introduz mais conteúdo e funcionalidade. Mais, poucos sites estão preparados para a escalabilidade, ou seja, com o aumento de trafego vem a diminuição da velocidade – isto caso não exista outros factores a contra balançar.

Vendo os resultados da analise do tudomudou.com, verifica-se que através da utilização deste serviço, o site iria, diz Google, tornar-se 31% mais rápido.

Mas o problema com esta abordagem é que o mesmo ignora a complexidade da maioria de páginas empresariais de hoje em dia e não devemos esquecer que uma das mais “pesadas” funcionalidades que torna o tudomudou.com mais lento é ironicamente a inclusão de Google Analytics – estatísticas do site.

Se por algum motivo tiver curiosidade em ver analise do TudoMudou.com, pode aceder ao relatório aqui. Todas as sugestões (técnicas) de melhora são mais que bem vindas…

Write a Comment

Comment