in Estudos, Social Media

Ladrões E Social Media

Friedland (swf), peritos em segurança de casas, efetuou um inquérito em Inglaterra e apercebeu-se através dos resultados que, social media está a ser utilizado por ladrões.

78% de ex-ladrões (reformados?) entrevistados disseram que acreditavam firmemente que plataformas de social media, como Facebook, Twitter e Foursquare estão a ser utilizadas na escolha de alvos para assaltar. 74% acreditavam que Google Maps é um ótimo complemento a toda a outra informação encontrada online.

O que se esqueceram de referir, ou desconhecem, é que criando um RSS feed de vários destes sites através de pesquisas especificas, utilizando Yahoo pipes, consegue agregar informação em tempo real.

Qual a relação com os vizinhos, o que compraram, como é a casa incluindo fotografias, qual o comportamento do cão (caso o tenham), quando vão de férias e por quanto tempo, etc.

Jonathan Lim, da Friedland, teve isto a dizer:

“The research has granted us access to an elusive group in society and assisted us in learning more about the habits of today’s burglars. The findings have broken down some of the illusions commonly associated with burglaries; with four out of five (80%) revealing burglary was not opportunistic, instead returning to a property a number of times before breaking in. We know that by taking simple measures, including cutting back trees and shrubs to remove potential hiding places and installing simple alarm systems priced from just £100 are all good, cost-effective deterrents that all homeowners can implement to remove their home from the target list.”

Mais dados do inquerito:

  • 94% deixam as suas janelas aberta quando saem
  • Mais de 3/4 (78%) deixam objetos de valor à vista
  • Mais de metade (54%) colocam o seu status e identificam onde estão em redes sociais
  • 52% ainda escondem as chaves de baixo do tapete
  • Metade (50%) revelou que alguma entrega deixada à porta é um potencial alvo

Credit Sesame criou um inforgraphic:

ver original

Ladrões E Social Media

Write a Comment

Comment