in Tecnologia

Virginia Rometty CEO IBM

No primeiro dia de 2012, Virginia Rometty tornou-se CEO da segunda maior empresa de tecnologia do mundo – IBM. Como a maioria de outros CEOs que vieram antes dela, a primeira pergunta que lhe colocaram foi: Qual a sua visão? E a sua resposta foi tão simples como complexa. Analytics.

Rometty prevê grande sucesso para a IBM ao focar-se em analytics. Muitos falam sobre a explosão de informação online, o volume de dados é colossal e o grande desafio para as empresas, é de tornar esses dados em informação que ajude a tomar decisões.

A visão de Rometty centra-se nessa oportunidade da IBM desenvolver formas de analisar toda essa informação e torna-la de forma a que seja produtivo. O desafio é criar uma cultura centrada em analytics, o que não implica uma simples tarefa de criar relatórios de dados, mas sim alterar a fibra do que verdadeiramente cada um faz – permeando por tudo que se faz.

Rometty, como vice presidente da IBM, já tinha iniciado este desafio, tornando-se evangelista do programa “Jeoparday” que apresentou ao mundo o computador mais potente do mundo – Watson. O resultado foi a venda dessa mesma tecnologia para a WellPoint, para ajudar médicos a diagnosticar os seus pacientes. De facto, tudo isto é uma extensão natural do foco da IBM em criar soluções para os seus clientes – serviços, software e hardware, integrado num todo para resolver problemas complexos.

Sistemas de monitorização de trafego poderiam prever congestionamento ou sistemas de fornecimento de água poderiam localizar com precisão, roturas problemáticas. Para Rometty, este tipo de sistema integrado é o futuro.

Rometty vai mais longe, explicando que têm que forçosamente existir “systems thinkers”, aqueles que se especializam-se nas necessidades para construir tais sistemas. Mas a Rometty tem um outro sistema com que se preocupar.

IBM é uma empresa gigante a tentar mover esse enorme corpo como se fosse um todo integrado, mantendo as suas partes individuais a funcionar de forma criativa, com tem sido – provavelmente o seu maior desafio.

 

Write a Comment

Comment