in Mobile, Política, StartUps

Obama Square

Em 2008, Barack Obama revelou-se não só um candidato novo com ideias que ressoaram bem com um publico desiludido com o Jorge Bush e a sua pertinência e periódica estupidez, como também demonstrou o poder da tecnologia.

“Were it not for the Internet, Barack Obama would not be president. Were it not for the Internet, Barack Obama would not have been the nominee,” disse na altura Arianna Huffington, editora do The Huffington Post.

A realidade é que através da interatividade das ferramentas Web 2.0 em 2008, Obama mudou a forma como os políticos organizam os seus apoiantes, anunciam para o povo em geral, defendem-se contra ataques e comunicam com os seus seguidores.

Obama utilizou a Internet para organizar os seus apoiantes de forma nunca possível antes e pelo caminho angariou um volume de apoio financeiro nunca visto. Obama utilizou o conceito do The Long Tail – em vez de procura poucos doadores com bolsos largos, virou-se para o povo e recolheu o que havia para doar – tudo, desde 5$ a $1000 por pessoa.

Social media mudou nesse ano a forma como os políticos, por menos os de sucesso, organizavam e geriam a sua campanha. Em 2012, Barack Obama volta a inovar, desta vez escolhendo utilizar Square, que permite a qualquer um receber dinheiro através do seu smartphone, para ser doado à campanha.

Ontem, a campanha de reeleição do presidente Barack Obama, anunciou que iria de imediato começar a utilizar Square, um startup de pagamentos mobile, com sede em São Francisco.

“Squares estão a ser enviados para todos os escritórios da campanha pelos Estados Unidos fora” explicou Katie Hogan, uma porta voz para a campanha de Obama.

Esta é só uma das partes que integram a campanha de Obama e a forma como consegue chegar ainda mais perto do publico que está preparado para doar – no momento sem tempo para pensar ou pior, desistir.

O objectivo é de criarem um app, o Obama Square, disponível na app store da Apple para que quem seja um(a) apoiante de Obama possa fazer download do app e comece de imediato a contribuir para a campanha, através de doações de outros.

Mais uma vez, Obama e a sua equipa, reconhecem as barreiras que existem e procuram soluções rápidas e eficazes. É que a guerra para a Casa Branca não se mede tanto pelo mérito do candidato mas mais pelo dinheiro que consegue angariar para conseguir ser ouvido por cima de todo o ruído durante estas épicas campanhas que duram meses, muitos meses.

Obama Square

 

Write a Comment

Comment

Webmentions

  • Obama’s Campaign and Social Media « helogp

    […] Blog – Blog do JJ Website – Tudo Mudou Share this:TwitterFacebookGostar disso:GostoSeja o primeiro a gostar disso post. « […]