in Tecnologia

Groupon Em Chamas

Nos Estados Unidos, após cada trimestre, Wall Street avalia o desempenho de cada empresa, recompensando ou castigando, consoante o seu performance. São nestas alturas que os analistas tentam perceber o que correu bem ou mal.

Infelizmente para a Groupon, a maior empresa de cupões de desconto, o que a empresa necessitava mesmo é de recomeçar novamente não cometendo os erros constantes que lhes tem assombrado e que se manifestou através de uma descida na bolsa de 17% na Sexta-feira passada. Já em Novembro de 2011, as ações de Groupon tinham perdido um terço do seu valor.

Já tínhamos referido o quão debilitado a sua estratégia era no artigo O Que Está Errado Com A Estratégia da Groupon? mas o que não esperávamos era que a Groupon passasse grande parte da sua criatividade para a sua contabilidade.

A ultima registada queda de bolsa surge como resultado de analistas aperceberem-se que de facto a Groupon não colocou suficiente dinheiro de lado para conseguir honrar os pedidos de devolução por parte dos seus clientes. Um pouco como um banco que não provisiona suficiente capital para lidar com o nível de crédito mal parado – e nós todos sabemos onde isso foi parar.

A cada vez mais criativa contabilidade da Groupon revela que afinal a empresa perdeu mais dinheiro do que se tinha assumido durante o ultimo trimestre. Este é um dos problemas nos IPOs de tech, sendo que alguns não tem a maturidade nem estão preparados para demonstrar o nível de sofisticação e transparência que analistas exigem, especialmente quando se tornam tão visíveis e vulneráveis na bolsa.

Já antes do IPO, a Groupon tinha revelado a sua atitude multifacetada perante as suas praticas de contabilidade. Com uma maior analise, verificou-se que Groupon tinha de facto exagerado as suas receitas. A própria Ernst & Young já publicamente afirmou a falta de supervisão financeira  internamente, um reflexo da sua cultura interna e total negação para enfrentarem a realidade – muito procurado que seja o seu serviço, existem demasiados obstáculos para que Groupon seja um verdadeiro sucesso.

A sua falta de disciplina também não tem contribuindo para um sólido futuro – numero de colaboradores foi de 37 para 10,000 e a empresa parece ter uma enorme dificuldade em seguir as suas receitas e retornos, mas mesmo assim conseguiu $700 milhões de USD dos investidores através do seu IPO – isto com todos os avisos que já existiam.

Não é de estranhar saber agora que já existem investidores com ações jurídicas contra a Groupon por os ter “enganado“. A SEC também está a investigar a alteração dos resultados após terem sido publicados. Mesmo sendo um sucesso em termos de empresa de tecnologia, a realidade é que as empresas necessitam da confiança dos mercados se esperam superar os desafios de crescimento.

Groupon Queda

Write a Comment

Comment