in Empreendedorismo

Buy Our Face

Uma coisa é certa, seja em que for o país que decide estudar, vai quase sempre acumular dividas, necessitando de alguns anos (cada vez mais) para saldar as contas com o seu “parceiro”, o banco.

Nos Estados Unidos, o problema via já em 1 trilião de USD em divida por parte dos estudantes americanos que procuraram uma melhor vida através do canudo.

Mas no UK, dois estudantes carregados de dividas decidiram utilizar a sua criatividade, empreendedorismo e rostos, para tentar resolver o problema.

É que no ultimo ano de universidade, Ross Harper e Ed Moyse já tinham acumulado mais de €60,000 em dividas entre os dois. O resultado foi o site BuyMyFace.com, um serviço personalizado de publicidade – o mais personalizado que já até hoje vimos.

Como as empresas compram espaço para publicidade em praticamente tudo o que é possível, ambos acharam por bem alugar as suas caras por €450 por dia. Mas não se pode comprar parte da cara, nem só de um deles – tem que ser ambos e tudo ou nada.

Pode depois decidir colocar o que quiser neste “billboard ambulante” – um logótipo, uma mensagem e/ou uma imagem. Mas o serviço não se limita simplesmente andar com a imagem na cara, existem fotografias, um website e formas de linkar para o patrocinador – viral advertising, dizem eles.

Para aumentar o buzz, ambos já levaram as cara pintadas para as pistas de ski, já foram skydiving, karting e só deve mesmo faltar scuba diving.

A sua ultima aventura foi desceram o prédio do seu patrocinador, Ernst & Young que acha esta iniciativa de resolver o problema das dividas, passo a passo, ou neste caso, cara a cara.

Mas não existe um risco em ter a empresa nas caras de estudantes, que algumas vezes, acabam por ter momentos menos felizes? Nada que um contrato não resolva.

Ambos estão satisfeitos com o resultado, mesmo que existam algumas alturas em que o seu lado profissional possa chocar com o lado pessoal. Uma noite romântica nunca corre muito bem quando se tem a Ernst & Young pelo meio.

Interessante é que já receberam inúmero pedidos para tornar um produto num franchise, possibilitando que outros estudantes consigam também diminuir as suas dividas. Até agora, Harper e Moyse já conseguiram pagar metade das suas dívidas e provavelmente até têm um lugar à sua espera na Ernst & Young – de preferência com outros estudantes a darem a cara, literalmente.

Fica aqui o vídeo da sua descida pela Ernst & Young – espero que estejam à espera que este vídeo se torne viral. Pelo menos a Ernst & Young gostou…

httpv://youtu.be/VnXkVtaYPk4

 

Incrível é saber que eles fizeram dinheiro com esta produção…

httpv://youtu.be/e4RKK3e2SRQ

 

Boa ideia, péssima execução.

Write a Comment

Comment