in Facebook

AT&T decidiu retirar o HTC First do mercado, apenas um mês depois do seu lançamento e independentemente de ter baixado o preço de $99 para $0.99 (com contrato). Vendas totais não chegaram às 15,000 unidades.

O HTC First foi o primeiro smartphone com Android a ser vendido com o Facebook Home pré instalado e mesmo com a opção de o poder remover, o consumidor não o quis.

Não seria de estranhar, pois no mesmo período, downloads do Facebook Home nem chegaram a um milhão – menos que 1% dos mais que mil milhões de utilizadores do Facebook, dos quais 680 milhões utilizam Facebook no smartphone.

Na sequência de todas as criticas online do Facebook Home, e demasiados reviews de uma estrela, Facebook prometeu rever e atualizar o app rapidamente. Relembramos que a nova app assume o controlo da homepage dos smartphones equipados com Android, algo impensável para o sistema operativo da Apple – iOS.

Uma das maiores criticas do Facebook Home é o facto que a app remove demasiadas funcionalidades principais do Android na tentativa de criar um interface centrado na maior rede social de sempre.

Quem utiliza esta nova app passa mais 25% do tempo a navegar e a utilizar as suas funcionalidades, criando uma verdadeira oportunidade de incluir publicidade. Mas quando integrarem publicidade, será que os utilizadores vão continuar a utilizar o app ou desinstalam?

Mas a ausência dos números de utilizadores que desinstalaram o Facebook Home diz mais que o numero baixo de apps instalados, ficando por saber qual a verdadeira opinião daqueles que o instalaram.

Imagem: Gizmodo

Write a Comment

Comment