in Tecnologia

É estranho continuarmos a ouvir que a Apple está em apuros e que o seu futuro está comprometido dado a sua falta de inovação. Na realidade, a bolsa não tem ajudado em nada. Mas estamos, para todos efeitos, perante uma empresa que continua a vender milhões de unidades dos seus dispositivos em vários segmentos.

Também é fácil esquecermos que o iPad tem somente 3 anos, achando mesmo assim que existe uma falta de inovação. Mas um dos factores mais impressionante da Apple, ignorados por demasiados analistas, é a sua base de clientes com cartão de crédito – 500 milhões, previsto a chegar aos 600 milhões no final deste ano.

Mais, os clientes registados gastam e bem.

Morgan Stanley analisou as diferentes empresas de ecommerce e revelou dados interessantes. Em termos de contas ativas, Apple pode “só” ter metade dos 1.056 milhões de utilizadores do Facebook, mas o que interessa nesta caso é o que cada um contribui para os seus resultados finais. Facebook tem 200 milhões de clientes registados com cartão de crédito, enquanto a Apple continua a ver um enorme crescimento de clientes que efetivamente gastam dinheiro – crescimento de 55% em 2012.

Morgan Stanley revela que Apple consegue encaixar $329 USD por utilizador registado, colocando a empresa no primeiro lugar da tabela de empresas de ecommerce que inclui Amazon ($305) e eBay ($125).

Receitas Por Cliente

Enquanto analistas e os media centram-se no hype e aparente falta de inovação, a Apple vai criando um Imperio com alicerces que lhes vão permitir construir várias plataformas, semelhantes ao iTunes e App Store que alavancam conteúdo de outros.

Estas plataformas vão certamente incluir um novo serviço de música (rádio) com base no streaming, semelhante a outros serviços já existentes. A sua vantagem é claramente os 500 milhões de utilizadores com cartões de crédito registados no iTunes e App Store. O seu iRadio poderá bem gerar mais de mil milhões de USD em receitas por ano.

Outra plataforma que irá certamente surgir é a de pagamentos mobile. Em quase todos os seus sucessos, a Apple nunca entrou no mercado no inicio, escolhendo esperar para lançar somente quando a tecnologia está apta a funcionar em larga escala e o consumidor preparado e disposta a utiliza-la.

Enquanto várias empresas têm se lançado para este novo modelo de pagamentos, o mercado tem reagido de forma tímida com algum receio. A falta de locais que aceitam este tipo de pagamento, normalmente por necessitar de equipamento externo, tem sido um factor predominante na falta de adopção a larga escala.

Dado que a Apple comprou a empresa AuthenTec em Julho de 2012 por $356 milhões de USD, muitos especulam que o próximo iPhone irá vir equipado com um sensor de impressões digitais. A grande diferença afigurar-se-á na forma simplificada como o consumidor e ponto de venda conseguem gerir a relação comercial, ou seja, como é pago e recebido.

E as ações da Apple? Morgan Stanley mantem o seu price target para APPL nos $540 USD mas salvaguarda um possível cenário optimista de $670 USD. Neste momento o preço das ações está nos $449.31. Buy… Buy… Buy…

APPL

Write a Comment

Comment