in Talent

Zachary Maxwell poderá ter apenas 11 anos, mas tal não o impediu de demonstrar aos seus pais, e por arrasto, ao resto do mundo, a péssima qualidade de comida servida na sua escola.

“Tudo começou com uma desavença entre mim e os meus pais… eu queria levar almoço de casa e os meus pais queriam que eu comesse o almoço servido pela escola” explica Zachary.

Os seus pais não o levaram a sério até verem o que filmou. Ficaram horrorizados. Porém não foram eles que decidiram enfrentar a escola ou até o Department of Education de NYC– foi Zachary e as suas câmaras ocultas que revelaram tudo ao mundo.

[youtube width=”602″ height=”350″ video_id=”JQo1D3v8Y98″]

Durante 6 meses, Zachary dedicou-se a documentar as diferenças entre a ementa que a escola divulgava online e o que, na realidade, era servido na cantina. O filme intitulado “Yuck! — A 4th Grader’s Short Documentary About School Lunch” acabou de ser premiado no Manhattan Film Festival e Zachary está orgulhoso com o seu impacto.

O “documentário” de 20 minutos foi filmado, escrito, narrado e realizado pelo próprio Zach, tendo recorrido ao apoio do seu pai apenas na fase final de edição do mesmo. Um pequeno projeto que lhe granjeou aclamação pelo New York Times, comparando-o a Michael Moore.

Write a Comment

Comment